Início » Lançamentos da Editora Intrínseca

Lançamentos da Editora Intrínseca

Confira os lançamentos da Editora Intrínseca

por Letícia Dutra
0 comentário

Confira os lançamentos da Editora Intrínseca do mês de julho, incluindo os títulos mais aguardados pelos fãs de romance. Será que você arrisca um palpite? Prepare-se para se encantar e se emocionar com histórias cativantes que prometem conquistar seu coração. Vamos descobrir juntos(as) esses tesouros literários! 💕📚


Oppenheimer: O triunfo e a tragédia do Prometeu americano, de Kai Bird & Martin J. Sherwin

Oppenheimer é a primeira biografia completa do “pai da bomba atômica”. J. Robert Oppenheimer foi o brilhante e carismático físico que, durante a guerra, liderou os esforços para desenvolver uma arma nuclear em favor de seu país. Logo após o bombardeamento de Hiroshima, tornou-se o cientista mais famoso de sua geração — uma das figuras icônicas do século XX, a personificação do homem moderno que enfrenta as consequências do progresso científico.

No entanto, Oppenheimer em seguida se opôs ao uso de bombas nucleares e, em especial, da bomba de hidrogênio. Na hoje quase esquecida histeria do início dos anos 1950, as ideias dele contrariaram poderosos defensores de um avanço nuclear maciço. Como consequência, foi considerado indigno de confiança para lidar com os segredos do governo dos Estados Unidos.

Oppenheimer: O triunfo e a tragédia do Prometeu americano é uma rica evocação dos Estados Unidos de meados do século XX, um retrato novo e atraente de um homem notável, ambicioso, complexo e imperfeito cuja história conecta-se profundamente aos principais acontecimentos de seu tempo. Foi considerado o melhor livro do ano pelo The New York Times, pelo The Washington Post e pelo Chicago Tribune. Além disso, inspirou o novo filme de Christopher Nolan, que chega aos cinemas em julho, estrelado por Cillian Murphy, Emily Blunt e Robert Downey Jr.


O pai estoico: uma reflexão por dia sobre paternidade, amor e como criar filhos incríveis, de Ryan Holiday

O autor de Diário estoico, O ego é seu inimigo, O obstáculo é o caminho e diversos outros livros sobre a filosofia estóica está de volta!

Em O pai estoico, Ryan Holiday apresenta reflexões diárias sobre paternidade, o que significa ser um bom pai, como educar crianças gentis e resilientes e muito mais. Extraindo valiosas lições da antiguidade, de sua própria experiência e de personalidades como Theodore Roosevelt, Bruce Springsteen, Rainha Elizabeth II, Marco Aurélio e Toni Morrison, com pinceladas do melhor da ciência moderna, o livro nos faz sentir parte de uma longa tradição de homens e mulheres que se preocuparam e se sacrificaram por seus filhos, mas que, acima de tudo, os amaram com todas as forças.

Além de um guia prático, O pai estoico é um ombro amigo, uma fonte de alívio para cada pai e mãe em busca de aconselhamento, identificação, ou, às vezes, apenas uma palavra de conforto nesta que é a jornada mais importante da vida.


O sol e a estrela: uma aventura de Nico di Angelo, de Rick Riordan

Se você está com saudade do universo de Percy Jackson, já pode comemorar! O lançamento O sol e a estrela, retorno dos leitores ao Riordanverso, se passa após os acontecimentos de A torre de Nero, da série As provações de Apolo, e acompanha dois dos personagens mais queridos pelos fãs, Nico di Angelo e Will Solace, em uma missão assustadora pelo Mundo Inferior.

Na história, das profundezas do Tártaro, uma voz solitária e atormentada implora pela ajuda de Nico, e o jovem tem uma suspeita de quem seja: um ex-titã chamado Bob que Percy e Annabeth tiveram que abandonar ao escaparem do lugar. Os sonhos cada vez mais frequentes de Nico e uma profecia macabra confirmam que Bob ainda vai ser fonte de muitos problemas, e logo o semideus se lança em uma missão arriscada para salvá-lo.

É claro que, sendo um ótimo namorado, Will decide acompanhar o amado. Mas como um ser feito literalmente de luz vai sobreviver em meio às trevas do Tártaro? E ao que a profecia se referia quando disse que Nico terá que deixar para trás “algo de igual valor”?


Um passo de sorte, de Jojo Moyes

E por falar em clássicos da Intrínseca… Jojo Moyes, autora de Como eu era antes de você, também retorna em julho com o incrível e emocionante Um passo de sorte!

Na história, Sam não diria que está no melhor momento da sua vida, com as dificuldades que enfrenta no emprego e com a sua família. Ela sabe que basta um dia ruim para que tudo vá pelos ares — só espera muito que esse dia não seja aquele com reuniões tão importantes pela frente…

Nisha, por outro lado, tem tudo com que sempre sonhou, e muito mais: um casamento com um homem incrivelmente rico, viagens internacionais, roupas de marca… Mas, agora que seu marido quer se divorciar, está prestes a perder tudo isso.

Os caminhos de Sam e Nisha, duas mulheres completamente diferentes, nunca deveriam ter se cruzado, mas esse encontro vai mudar a vida de ambas para sempre. E o motivo não poderia ser mais estranho: um par de sapatos Louboutin.

Com uma história dinâmica e cheia de reviravoltas, Um passo de sorte traz não apenas uma Jojo Moyes mais divertida do que nunca, como também um enredo emocionante sobre como as amizades — por mais improváveis que sejam — podem fazer toda a diferença na nossa vida. Para quem se lembra, Sam Kemp é a protagonista do conto “Sapatos de pele de crocodilo”, do já publicado livro de contos da autora Paris para um e outros contos.


Confira os lançamentos da Editora Intrínseca


Os cinco sobreviventes, de Holly Jackson

O novo livro da autora da série Manual de assassinato para boas garotas promete ser um suspense ainda mais eletrizante! O leitor vai embarcar em uma viagem aterrorizante — da qual nem todos sairão vivos.

Red Kenny e seus cinco melhores amigos decidiram alugar um trailer e viajar até a praia para comemorar o fim do ensino médio. Enquanto a maioria dos adolescentes está pensando na faculdade, Red tem outras preocupações: órfã de mãe e com o pai alcoólatra, ela precisa dar um jeito em sua vida. Mas ninguém imaginou que o grupo jamais chegaria ao destino desejado.

No meio da noite, todos os pneus furam ao mesmo tempo e o veículo fica sem gasolina. Presos no meio do nada e sem sinal de celular, não há como pedir ajuda. Quando tiros começam a atingir o trailer, fica claro que tudo foi planejado. Agora, os seis amigos estão encurralados por uma pessoa armada que exige saber um segredo.
Aos poucos, verdades inconfessáveis e turbulentas começam a vir à tona… mas alguém está mentindo. E isso vai custar a vida de um deles.


O que deixamos para trás: a arte sueca do minimalismo e do desapego, de Margareta Magnusson

Se você curte livros sobre minimalismo e organização, precisa conhecer esse lançamento!

Na Suécia, existe uma antiga tradição chamada döstädning – dö significa “morte”, städning, “limpeza”. O sentido é bastante literal: limpar, remover, se desfazer ou desapegar de objetos que, mesmo adorados, com a nossa morte se transformarão em um fardo para amigos e entes queridos. Essa tarefa de eliminar pertences em vida pode ser realizada a qualquer momento, em qualquer idade, porém sempre o mais cedo possível, antes que outros tenham que fazer isso por nós.

Com bom-humor e sabedoria, a artista plástica Margareta Magnusson nos convida à prática diária e consciente do minimalismo. Desbravando o inventário de pertences na oficina do marido ou o da própria gaveta de “segredos”, ela sugere quais objetos podemos descartar com facilidade (roupas sem uso, presentes de que não gostamos, mais louça do que somos capazes de usar no dia a dia) e quais podem muito bem permanecer até o fim (fotos, cartas de amor, pequenos mimos recebidos de filhos e amigos).

Margareta adiciona uma pitada de diversão a essa que, para muitos, pode ser uma tarefa dolorosa, e sua abordagem direta, porém leve, é um caminho para o diálogo familiar sobre o tema tão sensível da morte.


A livreira de Paris, de Kerri Maher

Quando a jovem norte-americana Sylvia Beach abre a Shakespeare and Company em uma rua tranquila de Paris em 1919, não tem ideia de que ela e sua nova livraria mudarão o curso da história da literatura.

A Shakespeare and Company é mais do que uma livraria e uma biblioteca: muitos escritores proeminentes dos anos 1920 e 1930, como Ernest Hemingway, a consideram uma segunda casa. É onde algumas das amizades literárias mais icônicas da época são forjadas — em especial, aquela entre o escritor irlandês James Joyce e a própria Sylvia. E quando o controverso novo romance de Joyce, Ulysses, é censurado nos Estados Unidos, Beach decide assumir um risco enorme e publicá-lo na França. À medida que Paris mergulha cada vez mais na Grande Depressão e diversos amigos expatriados voltam para os Estados Unidos, muitos de seus relacionamentos são colocados à prova. Diante de crises pessoais e financeiras, Sylvia precisa decidir o que a Shakespeare and Company realmente significa para ela.

Mistura de romance e biografia, ficção e realidade, A livreira de Paris é uma ode a uma mulher que assumiu como missão honrar o poder transformador dos livros, além de uma narrativa emocionante sobre as amizades, os amores e os atritos da cena literária europeia da primeira metade do século XX.


Os perigos de fumar na cama, de Mariana Enriquez

Se você curte contos e literatura fantástica… precisa ler o novo livro da argentina Mariana Enríquez! Conhecida pelos títulos As coisas que perdemos no fogo e Nossa parte de noite, a escritora retorna com doze contos macabros e perturbadores.

Uma menina descobre ossos no quintal, e não são de um animal. Um homem marginalizado semeia desgraças em um bairro rico após ser maltratado. Barcelona se transforma em um cenário perturbador, marcado pela culpa e do qual é impossível escapar. Uma presença fantasmagórica busca um sacrifício em um balneário. Uma garota que tem fetiche por homens com doenças cardíacas. Um sujeito que filma clandestinamente casais transando e mulheres de salto alto andando pelas ruas recebe uma proposta que mudará sua vida. Em todas as histórias, uma coisa é certa: as consequências serão devastadoras.

Mariana Enriquez perscruta os abismos mais sombrios da alma humana, as correntes ocultas da sexualidade e da obsessão. O livro foi um dos finalistas do International Booker Prize e do Kirkus Prize, além de ter sido indicado um dos melhores do ano por veículos como Oprah Daily e Kirkus Reviews.


Um traço até você, de Olívia Pilar

Um romance sáfico, incrível e apaixonante de uma autora nacional está chegando! Um traço até você, de Olívia Pilar, é uma história sensível e arrebatadora sobre autodescoberta, os desafios da vida adulta e o que significa ser jovem, negra e audaciosa em um mundo que deslegitima seu direito de ocupar todos os espaços.

Na história, a vida de Lina é ótima: ela estuda em uma boa universidade, mora em um bairro de classe média alta de Belo Horizonte e vive se divertindo com os amigos. Nos planos, faltam apenas o apoio dos pais para a carreira de ilustradora e o dinheiro para um sonhado curso de desenho no Chile.

Quando consegue uma vaga de estágio, ela acredita que está tudo resolvido. Apesar de não gostar de Administração, o projeto sobre inclusão e diversidade parece interessante. Mas Lina logo recebe olhares estranhos e tarefas que colocam sua capacidade em xeque. E talvez isso tenha a ver com a cor de sua pele.

Então seu caminho cruza com o de Elza, uma garota linda e inspiradora. À medida que se aproximam, Lina se dá conta de que o mundo a enxerga de uma forma diferente, e precisa buscar em seu lado artístico a força para construir sua identidade. Juntas, Lina e Elza vão confrontar seus medos e… se apaixonar.


Fundada em 2003 pelo empresário e economista Jorge Oakim, a editora Intrínseca possui em seu nome a essência de contar histórias. Um dos primeiros e maiores sucessos veio em 2007 com a publicação de “A menina que roubava livros”, escrito por Markus Zusak. Desde então, a editora solidificou sua posição como uma das mais importantes do Brasil, com um catálogo que abrange autores consagrados e uma presença destacada nas listas de best-sellers.

Com a publicação de aproximadamente 100 títulos anualmente, a Intrínseca está sempre em busca de boas histórias e de uma diversidade valiosa de vozes que incentivem a leitura. Amada e prontamente reconhecida pelos leitores brasileiros, a editora Intrínseca tornou-se sinônimo de excelentes livros.


Confira os lançamentos da Editora Intrínseca
Este é o meu livro preferido da Editora Intrínseca

Confira aqui a resenha do livro A sutil arte de ligar o foda-se.


Publicações relacionadas

Deixe um comentário!