Início » Entrevista com autores nacionais – Juliana Fernandes

Entrevista com autores nacionais – Juliana Fernandes

Entrevista com autores nacionais #2

por Letícia Dutra
0 comentário

Praxe Literária tem orgulho em valorizar e apoiar a literatura nacional brasileira, por este motivo temos este quadro de entrevista com autores nacionais que vai trazer a cada semana um autor diferente para que você possa conhecer mais a fundo.

Antes de sabermos mais sobre a autora, que tal conhecer um pouquinho da história de “Um Duque Fora de Época“?


“Mia tinha plena consciência de que não havia sido a primeira, nem seria a última a refugiar-se da solidão criando uma ilusão tola e inocente. Mas como poderia imaginar que seus sentimentos evoluiriam tornando-se tão fortes ao ponto de trazê-lo para seu tempo?”

Um duque fora de época é o primeiro de quatro livros que compõem a série “Nas brumas do amor”. Neste romance encantador, seremos apresentados à Mia, uma típica moça londrina, batalhadora e independente, que decidiu dedicar-se ao trabalho na tentativa de esquecer as dores que o amor lhe causou. O que ela não imagina é que uma situação inusitada despertaria um sentimento há muito adormecido. Um lugar, um nome, uma pintura, uma presença e o inevitável acontece. Mas a palavra impossível era pouco para definir as chances deste amor se concretizar.

O futuro Duque de Dorset tinha muito do que se orgulhar. Havia se tornado um homem responsável, administrando sua vida e suas posses sempre visando o bem de sua família e de todos os que dependiam dele. Mas nada se comparava a sensação de ter total domínio sobre seu destino. Um segundo e tudo havia mudado! Sua vida se tornou uma sequência de eventos inacreditáveis e tudo no que conseguia pensar era no quanto a bela e inapropriada dama diante dele parecia minar o que lhe restava do juízo. E o pior, George estava amando cada segundo.

Uma história sobre amor, coragem e as chances que devemos abraçar, diante da brevidade que é existência humana.
Afinal, será o tempo capaz de definir a intensidade de um sentimento?


Esta é a segunda entrevista com autores nacionais disponível no site, e temos a intenção de trazer muito mais. Porém, antes de começarmos quero te convidar para conhecer o meu trabalho de leitura crítica disponível aqui.


Juliana Fernandes é uma capixaba casada com seu primeiro amor, mãe e professora. Ama o mar, montanhas e os encantos de sua terra. Acredita que escrever é dar voz à alma e se dedica a temas como amores intensos, mulheres à frente de seu tempo e mocinhos cativantes. É autora da série “Nas brumas do amor” e anseia por mais tempo para escrever todas suas inspirações. Defensora de finais felizes.

Qual é o seu nome?
Juliana Fernandes

Onde você nasceu?
Vitória, capital do ES

Onde você mora?
Moro em Cariacica, bem pertinho de Vitória.

Quais suas fontes de inspiração?
A vida! Sempre fui muito observadora e fascinada pelas histórias das pessoas, sou uma boa ouvinte e apaixonada pela complexidade humana e procuro trazer isso para meus personagens: as imperfeições, os medos e inseguranças, as contradições, questionamentos e a evolução que nos tornam únicos.

Qual foi o primeiro livro que você leu?
Quando era criança, minha bisavó me contava histórias para dormir, ainda lembro da emoção de encontrar na escola um livro com várias fábulas, dentre elas muitas das quais já conhecia através dela. Em especial, O veado e a onça, recontado por Ana Maria Machado. Já adulta, comprei o exemplar, que é um dos meus tesouros e hoje leio para minha filha.

Qual a sua idade atual e sua idade que começou a escrever?
Tenho 38 anos. A escrita sempre esteve presente em minha vida. Na infância, em forma de diário e cartas que escrevia e guardava no fundo da gaveta para externar meus sentimentos. Em poemas escritos na adolescência, mas a primeira história que escrevi foi aos 35.

Qual foi o primeiro livro que você escreveu?
Minha garota para sempre, apesar de lapidado, a essência dele está toda ali, assim como no dia em que foi escrita a primeira palavra.

Como foram as suas pesquisas e quanto tempo levou para concluir seu livro?
O livro mais recente, Um duque fora de época levou cerca de 5 meses. Por trazer elementos do século XIX envolveu muita pesquisa, o que pessoalmente acho ótimo, já que sou uma curiosa nata. O mais interessante é que durante as pesquisas acabam surgindo novas inspirações e novas histórias.

O que foi mais difícil no desenvolvimento do seu primeiro romance?
A escrita de Minha garota para sempre foi uma espécie de chamado, sonhei com a história, acordei no meio da noite para escrever e não parei desde então. A parte da organização do tempo foi a mais difícil. Encaixar a escrita numa rotina já muito corrida foi um desafio, fiz escolhas, elegi minhas prioridades e tem dado muito certo desde então.

Poderia destacar um trecho que você acha especial em seu livro?
Vou destacar um trecho que gosto muito em Um duque fora de época, ele traz muito da mensagem que desejo transmitir, especialmente nesta série: “ Mas no caso deles, só havia o agora. E não era exatamente isso que acontecia com as pessoas em geral? Elas viviam o presente!”

Enfrentou alguma dificuldade durante o processo de escrita?
Sempre e acho que é bom que seja assim. Os desafios trazem evolução e eu acredito que nunca devemos ficar confortáveis demais com algo. A escrita me desafia, eu desafio a mim mesma e sei que isso alimenta o desejo de me aprimorar sempre.

Qual sua maior dificuldade em escrever?
Quando se ama o que faz, dificuldades se tornam apenas obstáculos a serem transpostos, mas creio que a minha maior dificuldade foi romper com minhas crenças limitadoras e passar a me considerar digna da realização dos meus sonhos.

O que você aprendeu com seu livro?
Não consigo mensurar a transformação que a escrita trouxe à minha vida. Tenho certeza que não sou mais a mesma. Foi uma mudança na minha forma de ver o mundo, a mim mesma trazendo à tona uma Juliana que se conhece mais, se acolhe e se permite sonhar e se dedicar em prol de suas conquistas.

Qual a sua inspiração para escrever?
A vida! Sinceramente acredito que o amor pode salvar, porque foi isso que aconteceu comigo e para mim amor e esperança andam sempre juntos e essa é minha mensagem principal: o amor é transformador.

Para você, o que não pode faltar na hora de escrever?
Um ambiente ideal teria café, essência de lavanda e nada de notificações no celular, mas confesso que também escrevo perto da família ou enquanto meu marido assiste televisão. Ah, eu amo escrever na cozinha, enquanto preparo o café, sempre acordo com boas ideias e até levanto mais cedo pra colocar tudo no computador.

Por que escrever?
Pelo desejo de contar histórias sob minha perspectiva e levar emoções aos meus leitores, mas acima de tudo, porque escrever me faz feliz.

Qual o seu objetivo no mundo Literário?
Ser lida e reconhecida como autora de histórias que emocionem, tragam esperança e permaneçam na memória do leitor, mesmo depois da última página lida.

Em uma frase defina a importância da escrita em sua vida.
A escrita é um propósito de vida, é como se eu não existisse sem ela.

Como o leitor interessado deverá proceder para adquirir o seu livro e saber um pouco mais sobre você e o seu trabalho literário?
Meus livros estão disponíveis na Amazon. Além disso, você pode acompanhar meu trabalho através da minha página no Instagram, lá tem novidades, bastidores e tudo o que amamos no mundo dos livros.

Instagram: @jufernandes.escritora

Existem novos projetos em pauta?
Sempre! Agora, iniciar a escrita do terceiro livro da série “ Nas brumas do amor”, enquanto o segundo está sendo preparado para publicação. De um modo geral, continuar escrevendo, aprender e sempre trazer histórias cada vez mais apaixonantes.

Perguntas rápidas:
Um livro:
Marcas do destino, Julianne Maclean.
Um (a) autor (a): Mary Shelley.
Um ator ou atriz: Tom Hanks.
Um filme: A rosa púrpura do Cairo.
Um dia especial: 09/10/2021, o dia em que te conheci. (E é neste momento que a editora coração e pedra derrama uma lágrima solitária 🥺)

Deseja encerrar com mais algum comentário?
Quero agradecer pelo carinho e convidar a quem ainda não conhece minhas obras a se encantar as com histórias de amor e esperança que escrevo de todo o coração.

Muito obrigada à você que leu até aqui. Clique na imagem acima e conheça mais do livro Um Duque Fora de Época.

Meu muito obrigada também a autora Juliana Fernandes pela entrevista ao nosso site.


Confira aqui a entrevista com a autora Lígia Dantas.


Publicações relacionadas

Deixe um comentário!