Início » Alena de Kim Andersson

Alena de Kim Andersson

A vida de Alena é um inferno

por Nara Dias
0 comentário

A vida de Alena é um inferno. Desde que começou a estudar em um colégio cheio de colegas esnobes, ela sofre bullying de Filippa e das outras meninas do time de lacrosse. A melhor amiga de Alena acha que já chega de aguentar todo esse abuso. Seja da conselheira, do diretor, de Filippa ou de qualquer outra pessoa nessa escola repulsiva. Josefin promete resolver o assunto por conta própria a menos que Alena dê o troco. Só existe um problema: Josefin está morta há um ano.


Essa foi minha primeira leitura de uma HQ do gênero terror e fiquei bem impressionada com o enredo e os temas tratados como: adolescência, depressão, luto, bullying, descoberta sexual e homofobia. A história está dividida em oito capítulos que eu preferi ler pelo celular por serem coloridos, já que no aparelho kindle fica preto e branco.

  • Livro: Alena
  • Autor: Kim Andersson
  • Editora: AVEC
  • Páginas: 120
A vida de Alena é um inferno

A história se inicia com uma discussão entre Alena e sua melhor amiga Josefin e em decorrência disso um trágico incidente resulta na morte de Josefin. Vamos acompanhar a vida de Alena um ano após essa tragédia e aos poucos entender o que aconteceu não só naquele fatídico dia, mas o que levou àquilo.

Com uma vida bastante depressiva a garota passa seus dias de forma solitária tanto em casa como na escola, porém o agravante é a perseguição que sofre em ambiente escolar por Filippa, a típica garota fútil e popular que com seu grupinho faz da vida de Alena um verdadeiro inferno, com agressão psicológica, física e até sexual. Sempre encontrando meios de jogar a responsabilidade pela morte de Josefin em cima de Alena e numa possível relação amorosa entre elas.

O triste é notar que o corpo docente não resolve a situação e muitas vezes faz vista grossa, jamais dando punições efetivas para os autores, esperarando a situação chegar ao extremo para tomar uma atitude.

A única que parece se importar é a sra. Birgit, que se dispõe a fazer um acompanhamento da garota, já que a situação acadêmica vai de mal a pior, o que por Alena ser bolsista é um agravante, já que a culpa das confusões sempre recaem nela própria.

A vida de Alena é um inferno

Alena vai à sala de Birgit uma vez por semana, porém, apesar da conselheira fazer as perguntas certas à garota, Alena não se abre e as tentativas de Birgit em ajudar são frustradas pelo silêncio permanente da adolescente.

Para piorar toda a situação, Josefin apesar de morta aparece sempre que Alena precisa de ajuda ou está muito solitária. Mas a ajuda apesar de livrar Alena de muitas situações perigosas com Filippa, é macabra, pois parece que prende a estudante numa depressão sem fim, não deixando que ela siga adiante, fora que nada pior que um espírito raivoso de personalidade ciumenta e acusatória.

O desfecho para mim foi surpreendente, mas vi que alguns leitores que já são acostumados com o gênero gostaram, porém acharam previsível.

Senti falta da obra ser avaliada como +18 na página da Amazon, pois é bastante sangrenta e possui cenas com alusão sexual.

E você já leu esse HQ? Gosta de livros de terror? O que achou desse enredo?

Publicações relacionadas

Deixe um comentário!